Links de Acesso

Nobel de Economia para britânico e finlandês graças à contribuições para teoria dos contratos


Membros da Academia Real Sueca anunciando o prémio, 10 de Outubro, 2016

Membros da Academia Real Sueca anunciando o prémio, 10 de Outubro, 2016

O britânico Oliver Hart e o finlandês Bengt Holmstrom venceram o prémio Nobel de Economia de 2016 por terem contribuído para a teoria dos contratos, ajudando a entender questões como o pagamento baseado em desempenho para executivos de cargos elevados.

"O trabalho cria uma fundação intelectual para a criação de políticas e instituições em muitas áreas, da legislação de falência às constituições políticas", afirmou a Academia Real Sueca de Ciências ao anunciar o prémio de 8 milhões de coroas suecas (928 mil dólares).

Hart é professor de economia na Universidade de Harvard, enquanto Holmstrom é professor de economia e administração no Instituto de Tecnologia de Massachusetts.

O trabalho de Hart tem ajudado a entender quais companhias devem se fundir e o equilíbrio correcto de financiamentos e quando instituições como escolas devem ser privadas ou públicas, informou a academia em comunicado citado pela Reuters.

O trabalho de Holmstrom ajuda a formular contratos para executivos, de acordo com o comunicado.

XS
SM
MD
LG