Links de Acesso

Nito Alves vai a julgamento esta quinta-feira

  • Coque Mukuta

Angola Nito Alves

Angola Nito Alves

Manuel Bastista Chivonde Nito Alves foi preso por imprimir várias t-shirts com slogans contra o presidente, quando tinha apenas 17 anos.

Manuel Bastista Chivonde Nito Alves é julgado num processo que vem desde o ano passado por acusação de crime contra os órgãos de soberania, ao ter mandado imprimir várias t-shirts com slogans contra o presidente José Eduardo dos Santos.

O jovem que tem como nome de registo Manuel Bastista Chivonde Nito Alves foi preso por imprimir várias t-shirts com slogans contra o presidente, quando tinha apenas 17 anos.

Hoje, com 18 anos de idade, Nito Alves diz não ter medo de enfrentar o tribunal e apelou ao presidente angolano José Eduardo dos Santos a rever as suas atitudes, caso contrário poderá ter de enfrentar o tribunal penal internacional.

“Eu Manuel Nito Alves o conselho que dou ao Eduardo dos Santos é que deve ser mais humano porque ele já passou de ditador a um ditador nojento, e se continuar assim pode ser levado ao tribunal internacional ou acabar como o Kadaf”, disse.

O activista disse ainda que as causas que defende tornaram-no mais forte para enfrentar o banco dos réus: "Estou sereno e frio, não temo as intimidações do Governo angolano, por isso amanha às 9 estarei no banco dos réus para ser julgado e ouvir a decisão do juiz”.

Nito Alves foi detido a 12 de Setembro de 2013 e solto com Termo de Identidade e Residência no dia 8 de Novembro do ano passado, depois de ter estado alguns dias em greve de fome.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG