Links de Acesso

Nito Alves libertado

  • Coque Mukuta

Ainda com bata da prisão. Nito Alves após libertação

Jovem tem que se apresentar quizenalmente no tribunal

As autoridades angolanas colocaram esta sexa-feira em liberdade com termo de identidade e residência o adolescente Nito Alves, preso desde 12 de Setembro.

Em declarações à Voz da América, Alves revela pressões e o que chamou de chantagem do funcionários do ministério do desporto para conseguir a sua libertação.




O adolescente foi liberto após várias pressões da sociedade angolana e da comunidade internacional.

Segundo Nito Alves mesmo depois de mais de 50 dias passados na prisão nada lhe faz desistir dos seus ideias: “a minha vida será normal e não retiro nenhuma virgula e vou fazer de novo – ze-dú fora!” disse. “A dignidade de um cidadão não está em bater prender um cidadão, o que o governo deve fazer é conversar com o os activistas” disse.

Nito denunciou ainda a alegada tentativa de corrompê-lo pelos funcionários do Ministério da Juventude e Desporto.

Fui aliciado sim senhor e uma das pessoas que eu não tenho receio de dizer e posso dizer agora é o Sidónio que trabalha com o Secretario do Estado para a Juventude e ele é que fazia as negociações com os indivíduos do sistema, que disse-me para chegarmos a um consenso” denunciou.

Nito Alves acrescentou: “Nós não devemos temer, devemos ter as nossas próprias convicções e vamos até as últimas consequências com este governo de José Eduardo dos Santos porque num país democrático e de direito quando os jovens têm medo de protestar é uma doença para a juventude, por isso temos que mostrar que não estamos doentes, vamos sair as ruas” concluiu.

Nito Alves deve apresentar-se quinzenalmente no Tribunal Provincial de Luanda. Por outro lado, a vigilia convocada por colegas do seu movimento para hoje foi cancelada.

A sua Opinião

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG