Links de Acesso

Nampula: Caiu a produção de cajú

  • Faizal Ibramugy

Mercado em Nampula

Mercado em Nampula

Na campanha passada,Nampula havia comercializado pouco mais de 55 mil toneladas de castanha

A província de Nampula, na zona Norte de Moçambique, poderá perder o privilégio de se tornar a maior produtora de castanha de caju do país,como resultado da fraca produção na presente campanha agrícola 2011/2012.

Na campanha passada, Nampula havia comercializado pouco mais de 55 mil toneladas de castanha de caju, tendo superado em larga medida a meta atribuída, que era de 47 mil toneladas. Na mesma campanha, Nampula foi a província que mais contribuiu para o alcance das metas ao nível do país.

As autoridades ligadas ao Instituto de Fomento de Caju,em Nampula,apontam como as razões para a baixa produção na presente campanha, os factores meteorológicos registados entre os meses de Outubro a Dezembro passado, nomeadamente, a ocorrência de ventos fortes, intenso calor nos distritos de Mogovolas, Moma e Meconta, considerados potências produtores da castanha de caju na província.

O delegado Provincial do Instituto de Fomento de Caju em Nampula,Emílio Furede disse que estes factores fizeram com que houve a queda prematura das flores e dos frutos em processos de formação e nalguns casos, as plantas não chegaram a florir.

Das 56 mil toneladas de castanha de caju planificadas para a presente campanha, até ao momento, a província de Nampula conseguiu comercializar 36.908 toneladas, representado uma cifra de 66 por cento,disse o delegado Provincial do Instituto de Fomento de Caju em Nampula, Emílio Furede.

Recorde-se que a castanha de caju produzida em Nampula é dividida em duas partes: uma parte para o processamento interno através das várias indústrias e a outra parte para exportação.

XS
SM
MD
LG