Links de Acesso

ONG americana treina polícias em Nampula


Vista de Nampula

Vista de Nampula

O programa "Cem Por Cento Vida" está voltado para a definição de estratégias de prevenção do HIV/SIDA e da promoção dos Direitos Humanos das trabalhadoras do sexo

A Pathfinder Internacional, uma organização não-governamental americana que opera em Moçambique está a capacitar os membros da Polícia da República de Moçambique, em Nampula, em matérias de Direitos Humanos e de trabalhoras do sexo.

O curso arrancou nesta segunda-feira com a duração de cinco dias. O objectivo é o de sensibilizar as forças policiais moçambicanas para que possam prestar um atendimento humanizado às trabalhadoras do sexo.Dado que elas sofrem vários tipos de violência protagonizados pelos clientes, a sociedade civil e, vezes sem conta, pela própria polícia, disse a coordenador do curso e técnica da Pathfinder, Arminda Zandamela.

Em Moçambique, o quadro legal não é favorável à questão do trabalho do sexo.Ou seja: nada está definido sobre a prostituição.

Segundo uma trabalhadora do sexo,entrevistada pela reportagem da Voz da América no local da formação,quando estas pessoas têm problemas e decidem levá-los à polícia são mal tratadas, alegadamente porque a polícia não pode resolver problemas de prostituição.

Entretanto,as trabalhadoras do sexo,em Nampula,estão satisfeitas com o trabalho que a Pathfinder está a realizar através do seu programa intitulado "Cem Por Cento Vida",voltado para a definição de estratégias de prevenção do HIV/SIDA e da promoção dos Direitos Humanos das trabalhadoras do sexo.

Segundo elas,o programa está a salvaguardar os seus direitos no exercício da sua actividade.
O programa "Cem Por Cento Vida" é um programa multi-sectorial que conta com o apoio Direcção Provincial de Saúde (PSI), organizações de Direitos Humanos e a Pathfinder - através do Fundo das Nações Unidas Para População.O referido programa está a ser implementado nas províncias de Maputo, Sofala, Manica e de Nampula.

XS
SM
MD
LG