Links de Acesso

Namibe: Crise provoca despedimentos anárquicos

  • Armando Chicoca

António Kalambo

António Kalambo

Acusação é da Unta que diz que sindicalistas são o alvo principal das empresas.

A crise financeira em Angola está ser usada para empresas fazerem despedimentos “anárquicos”, denunciou o secretário-geral da União dos Sindicados (Unta), no Namibe.

António Kalambo disse que os principais alvos são sindicalistas ou trabalhadores que revindicam os seus direitos.

O sindicalista disse ainda que a nova lei do trabalho tem facilitado esses despedimentos anárquicos

Kalambo afirmou que a onda de despedimentos anárquicos dos trabalhadores, na província do Namibe, a coberto da crise económica está a ganhar contornos alarmantes em todos os sectores laborais, impondo-se um recurso da entidade central sindical.

XS
SM
MD
LG