Links de Acesso

"Pai Grande" do Namibe aumenta prole para 167 filhos

  • Armando Chicoca

Francisco Tchikuteny

Francisco Tchikuteny

Francisco Tchikuteny perdeu a conta aos netos e bisnetos mas pede agora ajuda do governo

O “pai grande” do Namibe aumentou a sua prole de filhos para 167. Mas agora, diz, precisa de ajuda para a sua enorme família.

Francisco Tchikuteny diz que ao todo teve já 200 filhos, dos quais 167 estão vivos todos educados “no amor à pátria, respeito às instituições e temor a Deus”.

O "pai grande" do Namibe diz ter perdido conta ao número de netos e bisnetos, prometendo fazer a actualização nos próximos tempos, ”se Deus permitir”, frisa ele.

Tchikuteny, na sua primeira entrevista este ano, à Voz de América, disse que a crise económica que assolou o mundo e Angola, principalmente, afectou grandemente a sua família. Isto porque a província do Namibe regista seca há quatro anos consecutivos, deixando aquela família sobrevivendo da graça de Deus.

A escassez de água no sistema regadio de trinta hectares do campo agrícola, um dos elementos fundamentais para a segurança alimentar daquela família, é o calcanhar de Aquiles que Francisco Tchikuteny diz ter na Ilha do Mungongo. Por isso pede ajuda ao governo de Angola.

Para Tchikuteny “é uma bênção o país ter um homem com mais de 67 anos de idade com mais de 200 filhos”.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG