Links de Acesso

Casos de malária caiem no Namibe mas mortes aumentam

  • Armando Chicoca

Aumento de fatalidades deve-se a procura tardia de ajuda hospitalar

Os casos de malária no Namibe caíram no primeiro trimestre do ano quando comparado com o mesmo período do ano passado mas as mortes aumentaram.

As autoridades sanitárias, no primeiro trimestre do ano em curso, apresentam o registo de 15.951 casos de malária, traduzidos em 34 óbitos contra 17.466 casos de malária registados no primeiro trimestre do ano passado em que morreram 23 pessoas.

O chefe de Departamento de Saúde Pública Franco Mufinda, que apresentou o quadro comparativo da malária na província do Namibe, disse que apesar da diminuição dos casos hospitalares a maior preocupação consiste no facto de as comunidades afectadas continuarem a levar os doentes em estado avançado da doença.

A província atravessa, no entanto, um problema de falta de sangue por não ter bancos de sangue por inexistência de dadores voluntários.

XS
SM
MD
LG