Links de Acesso

MPLA saúda morte de Bin Laden


Rui Falcão, porta-voz do MPLA, numa deslocação recente ao Namibe

Rui Falcão, porta-voz do MPLA, numa deslocação recente ao Namibe

Porta-voz Rui Falcão diz que "foi tirada uma pedra do sapato"

O porta-voz do MPLA, Rui Falcão, saudou a morte de Osama Bin Laden dizendo que "foi tirada mais uma pedra do sapato".

Numa entrevista à Voz da América, Falcão salientou que que Bin Ladem era um dos mentores do terrorismo internacional e exortou a comunidade internacional a prosseguir na luta contra o terrorismo.

Disse também ser necessário combater as causas do terrorismo, para que este seja menos frequente e menos viável.

O porta-voz do partido angolano no poder declarou, por outro lado, apesar de declarações controversas.de alguns prelados, que "ainda não chegamos a esse ponto" de uma ameaça muçulmana em Angola.

"O ser muçulmano, em si, não é um drama. Os fanatismos, quaisquer que eles sejam é que se podem tornar dramáticos", declarou Falcão.

O porta-voz do MPLA reconheceu que "em Angola já houve pequenos casos que nos levam a ter alguma preocupação e alguma apreensão, mas estamos a agir no sentido de não permtir que essa onde cresça e vamos continuar a afzer esse trabalho de contenção".

Dizendo que o "islamismo está aí" Falcão nota que muitos são sérios, e "o Islão não diz que se deve praticar o terrorismo".

Nota, no entanto, ser necessário responder ás causas do terrorismo e não apenas às consequências, nomeadamente através de uma "nova ordem" em que todos sejam dignificados.

XS
SM
MD
LG