Links de Acesso

Banco Mundial apoia ensino pré-escolar em Moçambique

  • William Mapote

O Banco Mundial vai disponibilizar 40 milhões de dólares para apoiar o governo moçambicano na expansão do ensino pré-escolar, que depois de três décadas voltará a ser reintroduzido já a partir do próximo ano.

Com o financiamento a ser disponibilizado, a educação pré-escolar vai ser expandida para 84 mil alunos em 600 comunidades do país.

"Através deste apoio, uma atenção particular será dada ao desenvolvimento cognitivo, linguístico, sócio emocional e físico das crianças com idade pré-escolar, aumentando assim a possibilidade de sucesso das mesmas na educação escolar subsequente" disse Lawrence Clark, Director do Banco Mundial em Moçambique.



Para o Ministro de Planificação e Desenvolvimento, Aiuba Cuereneia, o financiamento agora anunciado vai dinamizar os planos nacionais no sector da educação, sobretudo ao nível das classes iniciais.

"Serão beneficiados alunos vulneráveis, aqueles que não possuem condições materiais nem financeiras para dar seguimento aos estudos ou garantir a sua permanência na sala", explicou Cuereneia.

No quadro dos novos pacotes de ajuda ao país, o Banco Mundial anunciou ainda a disponibilidade de 17 milhões de dólares, para a expansão da produção do arroz e adaptação às mudanças climáticas.
XS
SM
MD
LG