Links de Acesso

Quatro mortos devido à extracção de areia em Pemba

  • Adina Sualehe

Celmira Silva, governadora de Cabo Delgado, deslocou-se ao local do acidente

Celmira Silva, governadora de Cabo Delgado, deslocou-se ao local do acidente

Prática é considerada ilegal, mas muitos vivem dela.

Na cidade de Pemba, na província moçambicana de Cabo Delgado, quatro pessoas morreram devido ao desabamento de terras junto a uma lixeira.

O acidente aconteceu na segunda-feira, 19, quando as vítimas se encontravam a extrair areia destinada à construção civil.

A actividade é ilegal e há denúncias de que podem existir mais corpos soterrados

A VOA sabe que duas mulheres e um homem morreram no local do acidente e uma senhora faleceu na manhã de hoje no Hospital Provincial de Pemba.

A extracção de areia pela população naquele local é frequente por ser fonte de rendimento de muitas pessoas que vendem o material para a construção civil.

Testemunhas pediram ao Conselho Municipal para garantir uma maior segurança através da vedação do local e desencorajar esta prática no seio da população.

Zito Luís, líder comunitário local, disse haver suspeitas de existência de mais corpos no local, mas a informação não foi ainda confirmada pelos bombeiros, que mobilizou recursos para a retirada dos corpos.

Para além de acolher adultos e jovens, o local também recebe crianças que extraem areia.

Esta situação continua apesar de a actividade ser ilegal e um perigo que as pessoas que incorrem nessa prática.

XS
SM
MD
LG