Links de Acesso

Chuva chega finalmente a Gaza

  • Francisco Júnior

Mas ainda é prematuro concluir que todas as pessoas que estavam afectadas pela estiagem já não vão precisar de assistência humanitária.

Em Gaza, uma das três províncias do sul de Moçambique severamente afectadas pela estiagem, os camponeses têm motivos para respirar de alívio e sorrir. Choveu.

Nos finais do ano passado, a chuva começou a cair com regularidade, naquela província, e os agricultores puderam plantar e os resultados já são visíveis.

Os campos agrícolas estão verdejantes, mas Manuel Maxlhaieie, delegado do Instituto Nacional de Calamidades, diz que ainda é prematuro concluir que todas as pessoas que estavam afectadas pela estiagem já não vão precisar de assistência humanitária.

Segundo Maxlhaieie, neste momento, por causa da chuva e do transbordo de rios, 13 mil hectares foram inundados em todos os distritos da Província e os camponeses estão a precisar urgentemente de sementes para a segunda época agrária.

As necessidades são estimadas em mais de 168 mil quilogramas de sementes, a maior parte das quais de milho, feijão e hortícolas.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG