Links de Acesso

Interrompido transporte ferroviário de passageiros entre Moçambique e África do Sul

  • Simião Pongoane

Estação dos Caminhos de Ferro de Moçambique, Maputo

Estação dos Caminhos de Ferro de Moçambique, Maputo

Os Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM) interromperam o transporte de passageiros pela linha férrea de Maputo devido a questões de segurança, a pedido do Ministério sul-africano dos Assuntos Internos.

Segundo o representante comercial dos CFM em Joanesburgo, Fernando Mausse, neste momento, o transporte é feito em pedaços ou seja os passageiros apanham comboio em Maputo e descem em Ressano Garcia, atravessando a fronteira a pé até à vila de Komatipoort para apanharem comboio do lado sul-africano.

Os CFM retiraram cerca de 400 camiões de carga que provocavam congestionamento na auto-estrada N4 entre Maputo e JHB, sobretudo a partir de Ressano.

A queda dos preços de mercadorias no mercado internacional afectou o negócio, mas o representante comercial da empresa moçambicana na África do Sul considera que o negócio sempre tem altos e baixos.

XS
SM
MD
LG