Links de Acesso

Moçambicano morto na África do Sul foi hoje a enterrar em Namaacha

  • Simião Pongoane

O Consulado de Moçambique em Nelspruit está a lidar com o assunto, mas evita falar com a imprensa.

O cidadão moçambicano, Constantino Maurício Mucongue, 36 anos, baleado, em Mbuzini, por um membro das forcas militares sul-africanas de guarda-fronteira, foi a enterrar, hoje, 18, em Namaacha, perto da fronteira com África do Sul.

Informações sobre as circunstâncias do baleamento do cidadão moçambicano são escassas.

Ele foi ferido semana passada, 9 de Agosto, em Mbuzini. Depois do incidente foi levado a um hospital mais próximo, de Tonga, mas devido a gravidade dos ferimentos foi transferido para o Hospital de Themba, perto da cidade de Nelspruit.

Dois dias depois, Mucongue perdeu a vida, deixando sua esposa e filho menor.

As autoridades sul-africanas dizem que estão a investigar o assunto, mas fontes da família do malogrado e da Policia sul-africana dizem que houve negligencia por parte do militar.

Um oficial da Policia sul-africana em Mbuzini confirmou a abertura de um processo contra um militar, mas também evitou dar pormenores. Disse que pelos relatos constantes do processo tudo indica que terá havido negligencia por parte do militar.

Não sabe se o autor continua no seu posto.

O Consulado de Moçambique em Nelspruit está a lidar com o assunto, mas evita falar com a imprensa.

O Embaixador Paulino Macaringue disse que ainda não tinha informações sobre o incidente.

O diplomata lamentou a ocorrência, numa zona que sempre foi usada para entrada e saída da África do Sul por moçambicanos vivendo ao longo da região fronteiriça.

Moçambicanos residentes em Namaacha atravessam regularmente para fazer compras em Mbuzini, na África do Sul, usando vias informais sem documentos de viagem, de tipo passaporte.

Moçambique e África do Sul partilham cerca de 400 quilómetros de fronteira terrestre.

Entretanto, o governo sul-africano colocou militares em sete províncias que fazem limite com países vizinhos para conter a migração ilegal.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG