Links de Acesso

Aeroportos de Moçambique diversifica actividades

  • Francisco Júnior

Aeroporto de Maputo

Aeroporto de Maputo

Empresa que gere os aeroportos lança projectos modernos.

A Aeroportos de Moçambique, uma das maiores e mais importantes empresas do país, está a tentar inovar as suas actividades para diversificar e aumentar os níveis e fontes de receitas.

Uma das alternativas encontradas é a aposta no ramo imobiliário, com as atenções viradas para um projecto ambicioso de construção de cidades ou cidadelas aeroportuárias.

Segundo Emanuel Chaves, Presidente do Conselho de Administração da Empresa Aeroportos de Moçambique, o primeiro passo já foi dado em Nacala, uma cidade portuária localizada no norte do país e onde recentemente foi construído o mais moderno aeroporto do Moçambique.

Em Nacala, numa área de 300 hectares de terra, e onde se espera investir um milhão e quinhentos milhões de dólares americanos, já começaram a ser erguidas infra-estruturas como hotéis e prédios para habitação e escritórios.

Emanuel Chaves garante que "tudo sem sido feito com altos padrões de qualidade".

Projectos semelhantes serão lançados em áreas adjacentes a outros aeroportos, como em Nampula, Beira e Maputo.

Na capital do país, já existem 42 hectares de terra reservados numa zona nobre, a Costa do Sol.

XS
SM
MD
LG