Links de Acesso

Missão da ONU avalia situação na Guiné-Bissau

  • Lassana Casamá

Mercado de Bandim, Bissau,

Mercado de Bandim, Bissau,

Christopher Coleman, chefe da equipa, recordou que o Conselho de Segurança da ONU “quer fazer tudo quanto esteja ao seu alcance para a consolidação da paz e democracia na Guiné-Bissau”.

Em Bissau encontra-se a Missão de Avaliação Estratégica das Nações Unidas para a Consolidação da Paz, que está avaliar a situação no terreno com as novas autoridades políticas.

É uma equipa composta por mais de uma dezena de membros e que já esteve no interior do país, onde manteve vários encontros com os actores políticos e sociais. Os encontros, até aqui efetuados permitiram, uma avalição substancial dos problemas que o país enfrenta.

Da teórica ou factual restituição democrática às perspectivas políticas, económicas, diplomáticas e a reforma no sector da defesa e segurança, a equipa falou sobre esses temas com políticos da oposição, sociedade civil, chefes religiosos e tradicionais, em Bafatá, leste do país, e o primeiro-ministro Domingos Simões Pereira em Bissau. Hoje, a Missão esteve reunida com o presidente da Assembleia Nacional Popular.

A saída desta reunião, Christopher Coleman, chefe da equipa, citou que o objectivo da missão é de avaliar a melhor forma das Nações Unidas em alinhar o seu mandato, com as prioridades do actual governo.

Coleman recordou que o Conselho de Segurança da ONU “quer fazer tudo que esteja ao seu alcance para a consolidação da paz e democracia na Guiné-Bissau”.

XS
SM
MD
LG