Links de Acesso

"Não se pode falar de Portugal e Moçambique, sem falar de Mário Soares", diz Nyusi

  • Redacção VOA

Filipe Nyusi, Presidente de Moçambique (dir.), com Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente de Portugal

Filipe Nyusi, Presidente de Moçambique (dir.), com Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente de Portugal

A morte do antigo primeiro-ministro e Presidente de Portugal, Mário Soares, tem provocado reacções de políticos, analistas e da imprensa nacional.

O Presidente de Moçambique disse em mensagem enviada às redacções que a morte de Soares “é um vazio difícil de preencher, tendo em conta a sua forte ligação no processo de construção da amizade entre Moçambique e Portugal”

Para Filipe Nyusi não há como falar de Portugal e Moçambique “sem se referir à sua imponente figura na construção desta amizade, e deste entendimento que hoje perdura, irmanando os dois países”, e, por isso, “não há palavras suficientes que possam preencher o vazio deixado por Mário Soares, tanto para o povo português, assim como para o povo moçambicano.

Nyusi recorda Mário Soares como um dos que se juntaram ao povo moçambicano no culminar da luta pela independência, “através da sua inestimável contribuição para a descolonização que permitiu a proclamação da independência total e completa de Moçambique”.

O Presidente de Moçambique enviou mensagens ao Governo português e família de Mário Soares.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG