Links de Acesso

"Arquivo Íntimo", de Nelson Mandela, publicado em português


Capa da edição portuguesa do livro de Nelson Mandela, "Arquivo Íntimo"

Capa da edição portuguesa do livro de Nelson Mandela, "Arquivo Íntimo"

Livro do ex-Presidente sul-africano está à venda em Lisboa e Luanda

Washington, 26 Nov - A edição portuguesa do novo livro de Nelson Mandela, "Arquivos Íntimos", foi apresentada ao público numa cerimónia na embaixada da África do Sul em Lisboa.

António Vasconcelos e Sá, director geral da Editora Objectiva, disse à VOA ser uma "enorme honra e um privilégio" editar Mandela em português e comenta o grande humanismo revelado pelas cartas que o activista anti-apatheid e, mais tarde, presidente sul-africano escreveu nos seus 27 anos de cativeiro.

Vasconcelos e Sá descreve Mandela como "um homem muito especial, de superior inteligência e superior humildade".

"Arquivo Íntimo" publica cartas da prisão, que Vasconcelos e Sá classifica como "escritos comoventes", e duas colecções de conversas informais gravadas com um biógrafo e cujos trechos informais não tinham sido publicados; e outra com um companheiro de cárcere de Mandela.

"Depois de tudo o que fez pela África do Sul, Mandela não deixa de ser um homem comum, como todos nós. É isso que este livro mostra", diz o director geral da editora, prosseguindo que se a biografia de Mandela, "A Longa Marcha para a Liberdade", é o retrato do homem político, "Arquivo Íntimos" é o retrato da pessoa.

Ouça a entrevista com António Vasconcelos e Sá.

XS
SM
MD
LG