Links de Acesso

Maduro condena ataques "imperialistas" após prisão de familiares por tráfico de drogas

  • Redacção VOA

Nicolás Maduro

Nicolás Maduro

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, criticou nesta quinta-feira o que chamou de ataques e emboscadas imperialistas depois de dois sobrinhos da sua esposa terem sido presos no Haiti e levados aos Estados Unidos para enfrentar acusações de tráfico de drogas.

"A nação irá seguir seu curso", escreveu Maduro no Twitter, antes de um esperado discurso, ainda hoje, na Comissão das Nações Unidas de Direitos Humanos em Genebra.

"Nem ataques nem emboscadas imperialistas podem afectar o povo dos libertadores", acrescentou, no que parece ser a primeira referência pública do Presidente à prisão dos familiares.

XS
SM
MD
LG