Links de Acesso

Silêncio Oficial Rodeia Atentado Contra Quim Ribeiro

  • Alexandre Neto

Boné equipado com video, encontrado na viatura dos atacantes de Quim Ribeiro

Boné equipado com video, encontrado na viatura dos atacantes de Quim Ribeiro

Apesar de ter feito deslocar as forças policiais para o local da ocorrência nenhum esclarecimento oficial foi prestado até agora

<!--IMAGE-- Luanda, 19 Dez 2010 - Continua o silêncio das autoridades relativamente o incidente desta quinta-feira envolvendo o sub-Comissário da polícia Joaquim Ribeiro.
O mutismo estende-se à imprensa quer privada como pública. Algumas das conhecidas rádios locais não se referiram ao facto apesar das fontes ter posto ao corrente do que se estava a passar.Uns e outros não tiveram autorização dos respectivos superiores hierárquicos, conforme apuramos.
Apesar de ter feito deslocar as forças policiais para o local da ocorrência onde acabariam por se deparar com os meios abandonados pelos supostos atacantes, o que incluí a própria viatura na qual se faziam transportar, nenhum esclarecimento oficial foi prestado até agora.
Tudo que podemos apurar é que o próprio ministro do interior Sebastião Martins e demais entidades afectas a presidência da República nomeadamente o ministro de Estado Carlos Feijó terão sido postos ao corrente, instantes depois do sucedido ataque.
Um elemento comum de actuação dos protagonistas tem haver com o dia escolhido, habitualmente de véspera de fim de semana, à sexta-feira senão, à quinta.
Lembro que foi no dia 2 de Julho de 2004, uma sexta-feira, que foi assassinado o académico e político Mfulupinga Landu Victor.
Instado a comentar sobre este silêncio, William Tonet admitiu estarem a acontecer lutas intestinas no seio da corporação.
Desde que foi suspenso Joaquim Ribeiro e família vivem sob um ambiente de incerteza. Na semana passada, homens armados penetraram na sua propriedade no Kicuxi arredores Luanda, levando consigo dois computadores.
Nesta quinta-feira foi a vez do atentado da Samba área de residência, quando o ex-comandante pretendia sair em direcção a casa do filho, sita no bairro Benfica.

XS
SM
MD
LG