Links de Acesso

Líderes lusófonos reagem à morte de Mandela

  • Redacção VOA

South Africa Mandela Mourning

South Africa Mandela Mourning

Ao reagir à morte de Nelson Mandela, o presidente da Guiné-Bissau Sherifo Nhamadjo manifestou a sua consternação, afirmando que ele deixou ensinamentos úteis durante muitos anos e realçou o seu espirito de tolerância e de perdão.


Por seu lado, o presidente moçambicano Armando Guebuza, disse que Mandela se insere no panteão dos grandes lideres africanos e que viverá para sempre nos corações dos africanos.


O presidente de São Tomé e Príncipe, Pinto da Costa, realçou a dimensão invulgar do líder da luta anti-aparteid na África do Sul.


Quanto ao presidente cabo-verdiano José Carlos Fonseca, Mandela deixou um legado único a todos aqueles que prezam a liberdade.


Em Angola o deputado e vice-chefe da bancada parlamentar do MPLA, João Pinto, reagiu assim à morte de Mandela.


No Brasil a presidente Dilma Roussef afirmou em comunicado Mandela conduziu com paixão e inteligência um dos mais importantes processos de emancipação do ser humano da história contemporânea, o fim do apartheid na África do Sul.

Na cerimónia do sorteio para o Mundial de 2014, realizado hoje na Bahia, Roussef pediu um minuto de silêncio e disse que Brasil e os brasileiros se inclinam à memória de Nelson Mandela.

XS
SM
MD
LG