Links de Acesso

John Kerry na primeira deslocação ao estrangeiro

  • Scott Stearns

Secretário de Estado John Kerry

Secretário de Estado John Kerry

O conflito na Síria encontra-se no topo da agenda de Kerry

O secretário de Estado John Kerry parte no domingo para a Europa e o Médio Oriente – na primeira deslocação ao estrangeiro.

O conflito na Síria encontra-se no topo da agenda de Kerry.

Com a guerra civil a assolar os arredores de Damasco, o itinerário do secretário Kerry na Europa e no Médio Oriente inclui encontros com opositores do presidente sírio Bashar al-Assad.

Segundo a porta-voz do Departamento de Estado Victoria Nuland referiu tratar-se como uma deslocação de auscultação.

Os contactos europeus renovaram o embargo de armamento embora fornecendo maior apoio para a população civil.

O secretário britânico do estrangeiro William Hague.

“Isto vai permitir nos um aumento do equipamento para ajudar a proteger as vidas do civis sírios e permitir igualmente fornecer assistência e conselho que não tínhamos até agora autorização para o fazer”.

O secretário Kerry não estranho à situação na Síria, tendo recordado que durante a audiência de confirmação como o presidente Assad tinha solicitado ajuda.

Kerry recordou que Assad tinha tentado encontrar forma de apelar ao ocidente para encontrar uma forma de compromisso.

O aliado de longa data de Assad, a Russia está a forçar conversações com a oposição. Kerry irá encontrar-se em Berlim, com ministro dos estrangeiros russo Sergei Lavrov, que considera prioritário o dialogo sobre a Síria.

Lavrov sustenta que a situação mudou e que é importante que a prontidão da oposição Síria para o diálogo seja acompanhada da confirmação pelo governo da sua prontidão.

A porta-voz do departamento de Estado Nuland sublinhou que Kerry está pronto a trabalhar com Lavrov para encorajar todos os sírios a iniciar uma transição política.

Segundo Nuland os russos têm tido uma certa influencia, e que competira aos Sírios onde desejam que ocorra o diálogo, se considerarem que a oferta de Moscovo pode ser útil.

O secretário Kerry irá encontrar-se com responsáveis governamentais em Londres, Paris, Berlim, Riad, Anacara, Cairo, Abu Dhabi e Doha, bem como com dirigentes da oposição síria na cidade de Roma.

XS
SM
MD
LG