Links de Acesso

Julgamento de Mavungo prossegue nesta sexta-feira em Cabinda

  • José Manuel

José Marcos Mavungo

José Marcos Mavungo

Tribunal esteve no bairro 4 de Fevereiro para reconstituir o incidente em que uma mochila com explosivos terá sido capturada

O julgamento do activista de Cabinda José Marcos Mavungo prossegue nesta sexta-feira, 28, e espera-se que em análise esteja a reconstituição efectuada esta quinta-feira, 27, num dos bairros da cidade do incidente em que, segundo as autoridades, foram confiscados panfletos e explosivos.

A reconstituição ocorreu na zona de 4 de Fevereiro onde segundo um oficial da inteligência militar ele interpelou a uma distância de cerca de 300 metros indivíduos que se puseram em fuga.

Numa mochila terão sido encontrados os explosivos que a acusação ligou ao activista Mavungo, preso a 14 de Março, dia em que se realizaria uma manifestação de protesto contra a má governação e a supressão de direitos no território.

Mavungo foi acusado de atentar contra a segurança do Estado.

A reconstituição do alegado incidente fez-se a pedido dos advogados do activista que querem saber como se liga a mochila ao activista, preso quando saia de uma missa.

Nesta sexta-feira serão feitas alegações orais pela defesa e acusação

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG