Links de Acesso

Jovens moçambicanos desiludidos com a política

  • William Mapote

Estudo revela também distanciamento dos políticos.

Um estudo divulgado revela uma tendência de desinteresse dos jovens pela participação política em Moçambique.

Os resultados são de um inquérito online realizado pelo centro de estudos estratégicos internacionais, do Instituto Superior de Relações Internacionais.

O estudo foi realizado entre os meses de Maio e Junho de 2016, com uma amostra de mil jovens de todo o país, com idades compreendidas entre os 15 e os 35 anos.

Os resultados mostram que há menos interesse na participação da vida política por esta camada social.

Paa Paulo Wache, um dos coordenadores do estudo, revelou que cerca de 60 por cento dos jovens inquiridos colocam no topo das suas prioridades alguns divertimentos como cinema, música, cozinha e outras, relegando a participação em eventos políticos para o 10o. lugar.

Mas o que os números quantitativos dizem pode ter outro significado, numa análise qualitativa do que foi apurado.

Iraé Lundin, outra pesquisadora, revela que na verdade o desinteresse está mais com os políticos, mas prevalece o interesse na acção política.

O estudo foi realizado pelo Centro de Estudos Estratégicos Internacionais, em parceria com a Foundation for European Progressive Studies e a Fundação Friederich Herbert.

XS
SM
MD
LG