Links de Acesso

Jovens da Jura homenageiam Jonas Savimbi no Moxico

  • Isaías Soares

Jonas Savimbi

Jonas Savimbi

Assinala-se no dia 22 de Fevereiro o 13o. aniversário da morte do fundador da Unita.

Cerca de 2.500 jovens Juventude da Unita(Jura), militantes do partido e familiares de Jonas Malheiros Savimbi comemoram no próximo domingo no Lukusse, província do Moxico, o 13º aniversário da morte do líder fundador do partido galo negro.

O secretário-geral da Jura Alicerces Paulo Bartolomeu Mango “Aly” disse hoje, 19, em Malanje que as actividades comemorativas ao 22 de Fevereiro iniciam na tarde de sexta-feira, dia 20, o Luena, capital do Moxico.

Aly Mango, que diz não acreditar na existência dos restos mortais de Jonas Savimbi na localidade em que morreu, precisou que temas relacionados com o historial do fundador da Unita dominam as palestras agendadas a serem proferidas por personalidades de renome na organização.

“Primeiro a vida e obra, a dimensão política, diplomática e militar e a visão do Dr. Savimbi para que uma Angola tivesse uma verdadeira paz, uma verdadeira democracia onde todos os filhos dessa pátria pudessem se rever e se reencontrar”, adiantou.

A caminho de Moxico, neste momento, estão na comitiva representantes das 18 províncias de Angola, os filhos do então líder da Unita e mais familiares.

Por parte da direcção do partido engrossam a caravana, o secretário para organização do partido dos “maninhos” Franco Marcolino Nhany e os generais Samuel Chiuale, Gato, Bituzy e Antonino.

O secretário-geral da Jura defende que as autoridades angolanas devem reconhecer de uma vez por todas “que o doutor Jonas Malheiro Savimbi não foi apenas um dirigente da Unita, mas sim um dos nacionalistas do país e o pai da democracia em Angola”.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG