Links de Acesso

John Kerry e Georges Chikoty encontram-se hoje em Washington

  • VOA Português

John Kerry e Georges Chikoty (arquivo)

John Kerry e Georges Chikoty (arquivo)

Na agenda estarão questões ligadas à segurança marítima, operações de manutenção de paz, comércio e energia.

O ministro das Relações Exteriores de Angola Georges Chikoty encontra-se esta quarta-feira, 17, com o secretário de Estado americano John Kerry.

Fontes diplomáticas disseram à VOA, que Kerry e Chikoty vão discutir a parceria estratégica entre Angola e Estados Unidos e poderão também abordar questões ligadas à segurança marítima, operações de manutenção de paz, comércio e energia.

O encontro surge numa altura em que há sinais evidentes do aprofundamento das relações entre Angola e os Estados Unidos.

John Kerry visitou Angola em Maio deste ano e posteriormente afirmou que Angola joga “um papel de liderança em África”, particularmente quando o país vai integrar, a partir de 1 de Janeiro, o Conselho de Segurança das Nações Unidas.

Os Estados Unidos têm mostrado interesse em que Angola possa assumir um papel maior na manutenção da paz na África Central e Ocidental, bem como uma maior coordenação da segurança marítima na zona do Golfo da Guiné, onde têm aumentado os actos de pirataria.

O chefe da diplomacia angolana está em Nova Iorque, onde deve ter-se encontrado com a secretária americana de Estado Assistente para as Organizações Internacionais e as Nações Unidas Sheba Crocker e o representante permanente de Angola Junto das Nações Unidas, o embaixador Ismael Gaspar Martins.

Depois do encontro com o secretário de Estado americano, Georges Chikoty viaja para França, onde vai se reunir na quinta-feira, 18, em privado, com o seu homólogo Laurent Fabius.

Segundo uma nota de imprensa da Embaixada de Angola em Paris, os dois ministros vão abordar questões relacionadas com o reforço da cooperação bilateral e do diálogo diplomático sobre temas relacionados à política internacional, principalmente africanos.

O encontro acontece a duas semanas de Angola assumir o lugar de membro não-permanente do Conselho de Segurança das Nações Unidas.

Durante a sua estada na capital francesa, o ministro das Relações Exteriores presidirá, juntamente com o seu homólogo Fabius, um fórum de negócios no qual participam quase uma centena de empresas angolanas e franceses que querem para investir em vários sectores em Angola.

XS
SM
MD
LG