Links de Acesso

Ex-Presidente americano revela detalhes sobre o seu cancro


Jimmy Carter

Jimmy Carter

Jimmy Carter tem um melanoma e começa o tratamento de radiação hoje. Ele diz que está nas mãos de Deus.

O ex-Presidente americano, Jimmy Carter, revelou esta manhã em Atlanta, que tem um melanoma e que quando soube da notícia estava tudo menos optimista.

Na conferência de imprensa, Carter contou também que lhe foi removido um tumor de 2,5 cm no fígado e que tem quatro pequenas manchas cancerígenas no cérebro.

Nesta tarde de 20 de Agosto, Jimmy Carter, que acreditava que só teria algumas semanas de vida, inicia o tratamento de radiação, acrescentando ainda que não foi difícil seguir o conselho dos médicos.

Carter soube do diagnóstico médico em Maio, quando lhe foi encontrada uma mancha no fígado. O ex-Presidente, revelou de forma graciosa que escondeu a notícia à mulher, Rosalynn Carter, com quem está casado há quase 70 anos.

"As dores não têm sido tão intensas, tenho tido muita sorte porque os médicos têm consegudi controlar os efeitos das cirurgias muito bem", explicou Carter, contando ainda que tem recebido a solidariedade de anteriores presidentes como George Bush e George W. Bush e que Barack Obama e Joe Biden, também já lhe ligaram.

Carter vem de uma família com uma história excepcional de cancro. Todos os seus irmãos morreram de cancro.

"Aprendi muito sobre o cancro. A minha família era das poucas, há uns anos, em que toda a gente tinha a doença. Quando deixei a Casa Branca vi as minhas irmãs e irmãos a morrer sequencialmente devido ao cancro".

James Earl "Jimmy" Carter, Jr. nascido a 1 de Outubro de 1924 foi o 39º Presidente dos Estados Unidos, em funções entre 1977 e 1981. Foi galardoado com o Prémio Nobel da Paz em 2002, pelo seu trabalho com a Fundação Carter.

XS
SM
MD
LG