Links de Acesso

Israelitas prestam hoje última homenagem a Ariel Sharon

  • Redacção VOA

Presidente de Israel Shimon Peres deposita uma coroa de flores junto ao caixão de Sharon.

O antigo primeiro-ministro morreu ontem no Centro Médico Sheba, em Tel Hashomer, após oito anos de coma na sequência de uma hemorragia cerebral a 4 de janeiro de 2006.

A sede do parlamento de Israel acolhe hoje a últim a homenagem ao antigo primeiro-ministro com milhares de cidadãos a mostrarem a sua reverência a Ariel Sharon, que faleceu ontem aos 85 anos.

A urna saiu esta manhã da base militar de Tzrifin e à chegada ao parlamento, em Jerusalém, estava à sua espera o presidente Shimon Peres, que depositou uma coroa de flores.

Os cidadãos israelitas poderão ver o corpo de Sharon até ao inicio da noite de hoje.

A cerimónia militar realiza-se na segunda-feira, 12, às 9h30 locais também no parlamento, e terá a intervenção de alguns membros da família de Ariel Sharon, o presidente Shimon Peres, o primeiro-ministro Binymain Netanyahu e o porta-voz do Knesset, Yuli Edelstein.

Várias figuras internacionais já confirmaram a presença na cerimónia, como o vice-presidente dos EUA, Joseph Biden, o ex-primeiro-ministro britânico Tony Blair, o ministro russo dos Negócios Estrangeiros, Sergei Lavrov, o primeiro-ministro checo, Jiri Rusnok e ministro alemão dos Negócios Estrangeiros Frank-Walter Steinmeier, entre outros convidados.

O corpo será sepultado por volta das 14h locais na propriedade de família no deserto Negev, no sul de Israel, onde está a mulher Lily.

Ariel Sharon morreu ontem no Centro Médico Sheba, em Tel Hashomer, após oito anos de coma na sequência de uma hemorragia cerebral a 4 de janeiro de 2006.

XS
SM
MD
LG