Links de Acesso

Investimentos privados criaram milhares de empregos, diz Governo angolano

  • Isaías Soares

Ministra da indústria Bernarda Martins

Ministra da indústria Bernarda Martins

Burocracia é apontada como obstáculo a ultrapassar em 2017

Mais de 149 milhões dólares americanos do investimento privado aplicados no sector da indústria transformadora permitiram a criação de cerca de três mil postos de trabalho directos em 2016, diz um documento governamental.

O Ministério da Indústria aprovou naquele período 39 projectos privados, refere o documento publicado no final do I Conselho Consultivo alargado daquele ministério realizado esta semana em Malanje.

Cerca de 150 participantes, sob a presidência da ministra da Indústria, Bernarda Martins, que avaliou as acções desenvolvidas no ano passado e as projectadas para o ano económico 201.

A burocracia no licenciamento de projectos foi considerada um obstáculo a vencer.

“O Ministério da Indústria tem criadas condições para a desburocratização do processo de licenciamento da actividade industrial, através da implementação do sistema integrado de licenciamento industrial (SILAI), o que permitirá a atracção de mais investidores”, lê-se no documento final.

Quanto à província de Malanje, o documento reconhece investimentos no sector da indústria, porém, "a dificuldade na implementação dos mesmos reside na problemática do sector eléctrico, apesar de a província possuir a maior barragem do país”.

O governador Norberto Fernandes dos Santos disses estar satisfeito com a inauguração do Pólo de Desenvolvimento Industrial local pela titular do Ministério.

Por seu lado, a ministra Bernarda Martins afirmou que Angola está desprovida de condições para garantir uma indústria competitiva, mas várias acções estão a ser realizadas desde 2002.

“Para além do problema cambial é sabido que o país ainda não dispõe de todas as condições ideias para garantir a sua competitividade”, sublinhou a governante.

XS
SM
MD
LG