Links de Acesso

Soldado britânico morto em rua de Londres por “britânicos de origem africana”


Polícia forense investiga cena do crime onde um soldado foi morto em Woolwich, sueste de Londres (Maio 2013)

Polícia forense investiga cena do crime onde um soldado foi morto em Woolwich, sueste de Londres (Maio 2013)

Acredita-se que os atacantes – que dizem ter actuado como vingança pela morte de muçulmanos – são cidadãos britânicos de origem africana.
As testemunhas dizem que o soldado acabara de sair do quartel na zona oriental de Londres quando foi atingido por um carro. Os ocupantes saíram do carro e atacaram a vítima com cutelos e facas de cozinha.

Um dos atacantes disse a uma das testemunhas que filmava com o seu celular “a única razão porque fazemos isto é porque os muçulmanos estão a ser mortos diariamente por soldados britânicos.” A testemunha Joe Tallant descreve assim o que viu:

“ (Eles) andavam às voltas com as armas e diziam coisas à toa, diziam aos homens que não se aproximassem do corpo, apenas as mulheres o podiam fazer acrescentando “era o que deus teria querido” e depois diziam às pessoas para filmar o que estavam a fazer.”

A polícia atirou contra os dois suspeitos depois deles terem atacado os agentes. Os suspeitos encontram-se internados no hospital sob custódia policial.

O primeiro-ministro David Cameron antecipou o seu regresso de uma visita a França para presidir a uma reunião de emergência. Cameron disse que o ataque está a ser investigado, mas que o país ia responder de forma resoluta.

“Foi não apenas um ataque contra a Grã-Bretanha e o seu estilo de vida, foi também uma traição ao Islão e às comunidades muçulmanas que tanto oferecem ao nosso país. Nada no Islão justifica este odioso e trágico acto.”

Os dois ataques terão a nacionalidade britânica mas serão de origem africana e convertidos ao islão.

Peritos em segurança dizem que o ataque parece ter sido levado por indivíduos isolados sem ajuda externa.

Este ataque em Londres tem lugar um mês depois das explosões bombistas em Boston, Estados Unidos, um ataque levado a cabo por cidadãos americanos radicalizados.

Quanto aos atacantes em Londres, um deles encontra-se em situação critica. As autoridades esperam o momento em que os poderão interrogar. Os dois encontram-se hospitalizados sob custódia das autoridades.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG