Links de Acesso

Imigrantes na África do Sul usam futebol para combater a xenofobia

  • Simião Pongoane

Iniciativa realiza-se em Joanesburgo

Iniciativa realiza-se em Joanesburgo

Moçambicanos e angolanos entre os promotores

Duas dezenas de imigrantes moçambicanos, angolanos e de outros países africanos e cidadãos sul-africanos decidiram promover actividades desportivas em Joanesburgo para combater a xenofobia e reforçar a coesão social nas comunidades sul-africanas.

Eles decidiram usar o futebol para reforçarem a coesão social nas comunidades, e melhorar as relações entre os estrangeiros, sobretudo de outros países africanos, e os locais.

Amélia Mthisse, empresaria moçambicana radicada em Joanesburgo, uma das promotoras da iniciativa em coordenação com representantes de outros países africanos e com sul-africanos, acredita que “o futebolvai ajudar positivamente no combate à xenofobia” que afecta imigrantes africanos nas comunidades sul-africanas.

A iniciativa pretende também juntar os jovens imigrantes moçambicanos que se encontram envolvidos no consumo de drogas.

A selecção dos imigrantes de Moçambique que ostenta o nome de Samora Machel, jogou no domingo, 19, com a selecção dos imigrantes do Senegal, tendo perdido por 2-4.

Angola joga no próximo fim de semana.

Facebook Forum

XS
SM
MD
LG