Links de Acesso

Imagens revelam massacre de Boko Haran

  • VOA Português

Imagens via satélite

Imagens via satélite

Amnistia Internacional diz que é o mais sangrento ataque conhecido dos militantes islâmicos.

As imagens de satélite apresentadas pela Amnistia Internacional revelam a extensão do massacre provocado pelo grupo extremista nigeriano Boko Haram, na cidade de Baga, no nordeste da Nigéria. A organização de defesa dos direitos humanos considera o ataque o pior até agora realizado pelo grupo radical islâmico.

A Amnistia Internacional diz que imagens de satélite captadas da vila piscatória Baga e na cidade vizinha de Doron Baga mostram numerosos edifícios destruídos na sequência de um ataque na semana passada do Boko Haram.

Na sua luta por mais de mais de cinco anos para estabelecer um Estado islâmico com as leis religiosas rigorosas, os rebeldes do Boko Haram têm realizado vários ataques, incluindo sequestros e atentados suicidas em todo o norte da Nigéria.

O ataque na semana passada na cidade de Baga foi significativamente brutal: os políticos locais dizem que centenas de pessoas foram mortas, enquanto o exército fala em apenas 150 mortos.

Daniel Eyre, pesquisador da Amnistia Internacional sobre a Nigéria diz que "as imagens de satélite que dispomos mostram que os ataques contra a Baga e as cidades vizinhas foram de a uma escala nunca vista. Na cidade ao lado de Baga, Doron Baga, as imagens de satélite mostram que mais de 3.100 edifícios foram destruídos no ataque. Isso significa que quase toda a cidade foi arrasada ".

Cenários apresentando as referidas localidades antes e depois do ataque indicam o desaparecimento de veículos e barcos, sinais de um êxodo da cidade, como diz Eyre

"Muitos dos veículos e barcos que estavam lá antes do ataque já não existem mais. Esta realidade é coerente com o depoimento de testemunhas que descreveram a fuga de milhares de pessoas para a capital desse Estado, Maiduguri, mas também através do lago Chade em direcção à República do Chade. As estimativas de que dispomos sugerem que milhares de pessoas fugiram da violência em Baga ", revela aquele pesquisador.

Milhares de nigerianos já morreram nas mãos de Boko Haram, mas o pesquisador da Amnistia Internacional garanta que este é um dos piores ataques que a sua organização conseguiu ter documentação.

"Esta é a destruição mais grave realizado por Boko Haran que temos visto até agora. O conflito tem realmente aumentado nos últimos 12 meses. Nós vimos o grupo matar mais de 4.000 civis em 2014. E nos últimos seis meses eles tomaram muitas cidades como Baga, no nordeste da Nigéria. Este não é apenas o pior ataque até agora, mas também onde o maior número de pessoas morreram ", diz Daniel Eyre.

Refira-se que muitos dos que fugiram da cidade continuam desaparecidas.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG