Links de Acesso

Igreja Católica deplora burocracia na emissão de cartas de condução no Namibe

  • Armando Chicoca

Angola Dom Dionísio Hissilenapo, Bispo da diocese do Namibe

Dom Dionísio Hiselenapo diz que por várias vezes já foi vítima da corrupção policial nas ruas do Namibe e estradas de Angola.

A emissão de cartas de condução de automóveis pelos órgãos de tutela do Ministério do Interior estão a levar entre 5 e 6 anos.

O caso está a gerar polémica de "gasosas" e outros actos de corrupção policial nas estradas de Angola.

O bispo católico da diocese do Namibe Dom Dionísio Hiselanapo, durante a celebração da missa pelas almas dos membros do Ministério do Interior, na semana finda manifestou-se apreensivo com a morosidade que se assiste na emissão de cartas de condução para os cidadãos habilitados.

Para o bispo do Namibe, uma outra preocupação prende-se com o fenómeno de corrupção nas estradas de Angola, um mal que desonra o bom nome do país.

Dom Dionísio Hiselenapo diz que por várias vezes já foi vítima da corrupção policial nas ruas do Namibe e estradas de Angola e explica como é que os agentes da corporação têm actuado para extorquir dinheiro aos condutores.

O Comissário José Domingos Moniz, assumiu publicamente o compromisso com as comunidades de tudo fazer em prol da paz e tranquilidade públicas das comunidades, devendo todo aquele que deparar com tratamentos menos comuns apresentar queixa ao guiché de reclamação para os devidos procedimentos que se impõem.

XS
SM
MD
LG