Links de Acesso

Hospitais no Namibe com falta de medicamentos e consumíveis

  • Armando Chicoca

Estabelecimentos recebem novas ambulâncias.

Médicos, enfermeiros e outros especialistas ao serviço da saúde, na província do Namibe, continuam de mãos atadas por falta de meios de trabalho nos hospitais.

No acto de entrega de ambulâncias aos Hospitais Materno-Infantil, Maternidade e Hospital Provincial Ngola Kimbanda na quarta-feira, 19, os responsáveis dos referidos hospitais não esconderam esta realidade, mas reafirmaram o engajamento dos técnicos de saúde para baixar os níveis de mortalidade, não obstante as dificuldades com que se debatem.

O director do Hospital Pediátrico e Maternidade, Pedro Viyayahuka, apontou a falta de medicamentos e materiais consumíveis como sendo o quebra-cabeça para os técnicos de saúde que querem fazer mais e melhor a favor dos pacientes.

O Hospital Materno-Infantil e a Maternidade atravessam a fase de adaptação às actuais dificuldades financeiras, reconhecendo Viyayahuka, necessidade de recorrer aos familiares dos pacientes para comparticipação em medicamentos.

O director interino do Hospital Provincial Ngola Kimbanda, Leonaldo Gonçalves, revelou que a única ambulância que o estabelecimento tinha estava completamente obsoleta e saudou a entrega de novas ambulâncias que vão ajudar a salvar vidas.

XS
SM
MD
LG