Links de Acesso

Guineenses residentes em Cabo Verde esperam melhoria das relações bilaterais entre os dois países

  • Eugénio Teixeira

Leonel Samba, presidente da Associação dos Guineenses Residentes em Cabo Verde

Leonel Samba, presidente da Associação dos Guineenses Residentes em Cabo Verde

Leonel Samba vê com bons olhos o apelo lançado por José Mário Vaz no sentido de os cidadãos radicados no estrangeiro regressarem à Guiné-Bissau.

O presidente da Associação dos Guineenses Residentes em Cabo Verde considera que a tomada de posse do novo Presidente da República abre caminho para a normalização do país e a consolidação das instituições democráticas na Guiné Bissau.

Leonel Samba espera que as novas autoridades procedam a uma profunda restruturação do Estado para que as diferentes estruturas possam funcionar dentro da normalidade e legalidade.

Segundo Leonel Samba, só com a estruturação e consolidação de todo o aparelho do Estado o país passará a ter condições necessárias para relançar o processo de estabilização e desenvolvimento que os guineenses tanto almejam.

Por outro lado, o presidente da Associação dos Guineenses Residentes de Cabo Verde vê com bons olhos o apelo lançado pelo novo Chefe de Estado José Mário Vaz no sentido dos cidadãos radicados no estrangeiro regressarem à Guiné-Bissau.

Contudo, Leonel Samba considera que se torna necessária a criação de condições efectivas e algumas garantias, visando o retorno sobretudo de quadros qualificados ao país.

Samba espera igualmente, que o novo Governo adopte políticas para os emigrantes. Um desses mecanismos, segundo Leonel Samba, passa pela restruturação do Instituto da Emigração, para que essa estrutura possa efectivamente desenvolver o trabalho de ligação entre a Guiné-Bissau e os seus filhos radicados no estrangeiro.

XS
SM
MD
LG