Links de Acesso

Guiné-Conacri livre de ébola

  • VOA Português

Anúncio oficial foi feito hoje.

A Guiné-Conacri está livre de Ébola, declarou hoje a Organização Mundial da Saúde (OMS), após dois anos de luta contra a doença que matou milhares de pessoas.

O anúncio é feito 42 dias depois do último caso confirmado de ébola no país, que deverá iniciar 90 dias de vigilância reforçada.

A Guiné-Conacri junta-se à Serra Leoa, país que travou a propagação da doença depois de ter sido igualmente severamente afectado.

A Libéria aguarda a declaração oficial do fim da epidemia.

O surto mais devastador de ébola foi detectado, pela primeira vez, em Gueckedou, leste da Guiné-Conacri, em Dezembro de 2013, tendo alastrado para a Libéria, Serra Leoa e outros países da região.

Mais de 28 mil pessoas foram infectadas, tendo 11,300 perdido a vida.

A OMS não descarta futuros surtos de ébola na África Ccidental.

A organização reconhece as falhas no pico da epidemia, mas diz que as equipas médicas estão agora melhor preparadas para responder a eventuais surtos.

XS
SM
MD
LG