Links de Acesso

Grupos carnavalescos da província da Huíla sem apoio

  • Teodoro Albano

Carnaval da Huíla 2013

Carnaval da Huíla 2013

O chefe do departamento da acção cultural da Huíla, Pedro Mussunda, fez um balanço positivo do Carnaval de 2014.

Os grupos Ouro Negro da Tundavala - em adultos - e Muíla da escola 1º de Dezembro - em infantis - foram os vencedores da edição do carnaval de 2014 na província da Huíla.

Satisfeito com a vitória, o responsável do grupo Ouro Negro, António de Brito, que revalida o título pelo segundo ano consecutivo, não escondeu as dificuldades por que passam os grupos para se apresentarem no desfile central.


“Não temos apoio, nós dependemos de nós. Nenhum dos grupos carnavalescos da província da Huíla tem apoio. É por isso que o Unidos de Caxinde desistiu, por falta de apoio.”

Os grupos Ovana Hambo e Epata Lituima das circunscrições dos Gambos e Humpata ficaram-se pelas segunda e terceira posição respectivamente ao passo que na classe de infantis os Piós de Samora Machel da escola 193 acabaram em segundo lugar.

O primeiro classificado em adultos vai receber um prémio equivalente a 12 mil dólares enquanto que para a classe de infantis está reservado como recompensa o equivalente a seis mil dólares.

O chefe do departamento da acção cultural da Huíla, Pedro Mussunda, fez um balanço positivo do Carnaval de 2014.

“Fazemos um balanço positivo, pois que conseguimos concretizar aquilo que foi preconizado desde a preparação até que se realizou o desfile. O público afluiu de forma massiva à praça João Paulo II, julgámos que ouviu os nossos apelos e então esteve lá de facto para testemunhar aquilo que foi o nosso grande carnaval 2014.”

O grupo carnavalesco Ouro Negro da Tundavala, que ganhou no seu segundo ano de existência, homenageou no seu desfile a fenda da Tundavala e o monumento do Cristo Rei como potências turísticas da região da Huíla.
XS
SM
MD
LG