Links de Acesso

Governo guineense prepara-se para pagar salários em atraso

  • Lassana Casamá

José Mário Vaz

José Mário Vaz

Presidente reuniu-se com Director Nacional do BCEAO.

O presidente guineense José Mario Vaz esteve reunido hoje com o Director Nacional do BCEAO para a Guiné-Bissau para analisar o pagamento dos atrasados salariais na função pública.

Foi uma audiência muito concorrida, na ausência do primeiro-ministro Domingos Simões Pereira que ainda se encontra, em Dili, capital Timorense na cimeira da CPLP.

O Director Nacional do Banco Central dos Estados da Africa Ocidental João Aladje Fadia disse aos jornalistas que abordou com o Presidente da Republica José Mário Vaz o desembolso dos 30 milhões de dólares, o equivalente a 15 bilhões de francos cfa, para o pagamento dos atrasados salariais na função pública guineense.

O montante, reembolsável no período de um ano, já se encontra na conta da Guiné-Bissau no BCEAO, conforme o Director Nacional desta instituição bancaria sub-regional.

O desembolso desta verba por parte da União Monetária Oeste Africana (UEMOA) que, quando for aplicada, vai desanuviar o clima de tensão social inerente as dificuldades financeiras que pairam sobre as famílias guineenses, é resultado do pedido feito pelo Chefe de Estado ao Governador do BCEAO em Julho passado.

Adicionadas as receitas internas e de mais outros fundos da comunidade internacional em perspectiva, o Governo liderado por Domingos Simões Pereira espera agora poder responder, a tempo, as suas obrigações orçamentais, tanto assim que, recentemente, Simões Pereira anunciou a intenção de pagar em simultâneo um mês corrente e um atrasado.

XS
SM
MD
LG