Links de Acesso

Governo e Renamo podem assinar hoje novo acordo de paz

  • VOA Português

Armando Guebuza e Afonso Dhlakama

Armando Guebuza e Afonso Dhlakama

Armando Guebuza e Afonso Dhlakama assinarão o documento num encontro a realizar-se em Maputo

O Governo e a Renamo poderão selar, esta segunda-feira, 28, o acordo final que poderá ditar o fim das hostilidades militares que desde o ano passado provocaram dezenas de mortes.

Depois de 64 rondas negociais, divididas entre recuos e avanços, com momentos de quase ruptura por meio, as partes anunciaram, semana finda, ter chegado a uma plataforma de entendimento que permitiu que 95% dos pontos em discussão tivessem acordo.

No seio da sociedade moçambicana, aguardam-se com expectativa as decisões da ronda negocial de hoje, que pode mesmo ditar um segundo “Acordo Geral de Paz” para o país.

Segundo dados avançados pela equipa negocial do Governo na actual crise político-militar, os acordos que forem fechados na ronda de hoje deverão passar pela chancela dos líderes das duas partes envolvidas no diálogo, nomeadamente, o Presidente da República Armando Guebuza e o líder da Renamo Afonso Dhlakama num encontro que, em princípio, deverá ter lugar em Maputo.

XS
SM
MD
LG