Links de Acesso

Governo de Bissau prepara consenso para mesa redonda de doadores

  • Lassana Casamá

Domingos Simões Pereira

Domingos Simões Pereira

Documento-base será apresentado a parceiros nacionais no dia 10 de Março.

A caminho da mesa redonda com os doadores, em Bruxelas, o Governo guineense realizará um Fórum Nacional no dia 10, de onde vai sair um documento com uma visão clara do caminho a ser seguido para tirar o país da situação em que se encontra. Para as autoridades governamentais, a Mesa Redonda representa, no entanto, apenas uma etapa de um grande programa nacional de desenvolvimento em fase de concepção

O documento que vai ser apresentado aos doadores no próximo dia 15 de Março, ainda que numa fase inconclusiva, segundo fontes ligadas ao processo, reflecte a aspiração dos guineenses, ou seja, o que é que os guineenses querem que o país seja até 2025.

Até aqui foram efectuados três encontros de reflexão, dois em Bissau, envolvendo diferentes sectores nacionais, e um em Acra, capital do Gana, com os parceiros regionais.

Agora, o Governo de Domingos Simões Pereira vai apresentar ao sector privado e sociedade civil o documento base da reunião com os doadores internacionais.

Degol Mendes, secretário de Estado do Plano, na qualidade de presidente do Comité de Pilotagem da Preparação da Mesa Redonda explica que o encontro de Bruxelas “é apenas uma etapa de um grande programa de desenvolvimento em perspectiva”.

Um programa, onde deve constar todos argumentos com uma nova visão programática daquilo que deve ser a Guiné-Bissau até 2015.

XS
SM
MD
LG