Links de Acesso

Governo angolano prepara orçamento eleitoralista, avisa economista

  • Arão Ndipa

Em ano de eleições governo vai gastar mais

O governo angolano está a preparar-se para aprovar um orçamento para 2017 “de gastar muito a curto prazo” devido às eleições, disse o economista Victor Hugo.

“Em 2017 vamos ter um orçamento politico e não económico porque as eleições estão aí”, disse o economista.

Interrogado sobre o facto de o governo ter feito há poucos dias uma revisão do actual orçamento, o economista disse que essa revisão revela “falta de cautela”.

O governo, disse, foi optimista em falar no preço do barril a 45 dólares pois isso mostrou-se irrealista.

A revisão do orçamento “reprova a acção daqueles que trabalharam” no documento original, acrescentou.

O novo ministro das finanças Archer Mangueira disse que o seu ministério vai fazer todos os esforços para “equilibrarmos a gestão macroeconómica e reduzirmos o efeito adverso sobre as contas fiscais e monetárias”.

“O ministério das finanças tem a responsabilidade de velar pela aplicação rigorosa do orçamento”, afirmou.

O deputado da CASA CE , Alexandre Sebastião André´, afirmou por seu turno foi “inoportuna” a decisão do governo de levar a aprovação da assembleia uma revisão do orçamento de 2016 quando se esta prestes a iniciar o debate para o orçamento do próximo ano.

Par ao deputado da CASA CE o objectivo foi o de “buscar o beneplácito da assembleia nacional para recorrer a mais empréstimos”.

XS
SM
MD
LG