Links de Acesso

Governador de Nova Iorque admite ligação internacional às explosões

  • Redacção VOA

Governador Andrew M. Cuomo e "mayor" Bill de Blasio

Governador Andrew M. Cuomo e "mayor" Bill de Blasio

Polícia procura afegão naturalizado americano.

O governador do Estado de Nova York, Andrew Cuomo, admitiu nesta segunda-feira, 19, a possibilidade de haver "conexões estrangeiras" nas várias bombas em encontradas em Nova Yorque e no vizinho Estado de Nova Jérsei.

Cuomo fez esta afirmações à cadeia televisiva CBS pouco depois de o FBI ter distribuído um aviso de busca de Ahmad Khan Rahami, um afegão naturalizado americano, por sua suposta relação com as explosões.

"Acredito que estamos buscando um indivíduo (...) e pode ser que haja uma conexão estrangeira para este incidente", afirmou o governador.

Um total de 29 pessoas ficaram feridas no sábado à noite no bairro nova-iorquino de Chelsea, em Manhattan, após a explosão de uma bomba num tanque de lixo.

Um outro artefato foi encontrado pelas autoridades nas proximidades.

Na manhã desta segunda-feira, outra bomba foi encontrada na cidade de Elizabeth, em Nova Jérsei.

O artefato explodiu enquanto era desarmado por um robot do esquadrão antibombas.

No sábado, uma bomba explodiu numa lixeira em Seaside Park, Nova Jérsei, sem deixar feridos.

Cuomo também acrescentou que, levando em conta as características da pessoa que está sendo procurada pelo FBI, "isso sugeriria que este indivíduo tem uma conexão estrangeira para realizar este ataque".

XS
SM
MD
LG