Links de Acesso

Dois funcionários em Maxixe detidos por corrupção

  • VOA Português

Moçambicanos dizem que corrupção está a aumentar

Moçambicanos dizem que corrupção está a aumentar

Dois funcionários do Conselho Municipal da Maxixe estão detidos por prática de crimes de corrupção.

Ja­cinto Chaúque, vereador para Área de Urbanização, e Rodol­fo Tambajane, chefe da Uni­dade de Gestão de Aquisições foram denunciados pelo Gabi­nete Provincial de Combate à Corrupção.

O jornal O País diz que calcula­-se que os dois funcionários tenham se apoderado ilicita­mente de, pelo menos, 700 mil meticais, equivalente a 15 mil dólares americanos.

O Gabinete Provincial de Combate à Corrupção desenca­deou uma investigação depois de uma denúncia anónima re­produzida na imprensa e con­cluiu existirem factos bastantes que indiciam o envolvimento daqueles funcionários em actos de corrupção.

XS
SM
MD
LG