Links de Acesso

Fugitivos de cadeia de Benguela são recapturados

  • João Marcos

Sede da administração da cidade de Benguela

Sede da administração da cidade de Benguela

Um dos 12 fugitivos continua a monte.

Doze reclusos evadiram-se da cadeia de Benguela na tarde deste domingo, 16, depois de terem agredido três funcionários do estabelecimento, tendo a maior parte sido capturada momentos mais tarde. Apenas um encontra-se foragido e é considerado de “altamente perigoso”.

Os 11, entre os quais alguns estrangeiros cuja nacionalidade não foi revelada, foram capturados no bairro da Nossa Senhora da Graça, a dois quilómetros de distância da cadeia.

Os funcionários dos serviços prisionais foram agredidos com ferros, encontrando-se alguns com ferimentos graves.

Apercebendo-se do motim, os guardas abriram fogo durante pelo menos 20 minutos, mas nem isso evitou a fuga.

Seguiu-se a perseguição que culminou com a captura dos presos, tal como realçam as mesmas fontes.

O clima de tensão está na base da prevenção que se verificava até ao momento em que expedíamos esta peça, com o grosso de funcionários a ter de abandonar o local de serviço mais tarde do que o habitual.

Presume-se que esta situação prossiga até ser apanhado o elemento em falta.

A VOA não conseguiu entrar em contacto com a direcção da Penitenciária do Cavaco, mas sabe que o Comando da Polícia deverá pronunciar-se nas próximas horas.

Dados disponíveis indicam que não há memória de um motim como o que verificou na tarde deste domingo.

No passado, registavam-se casos de um ou outro preso a intrometer-se no bananal que ali existe, mas era apanhado logo a seguir.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG