Links de Acesso

Novas acusações de que Movimento Revolucionário está infiltrado pela polícia


Uige.

Uige.

Fracassa manifestação no Uíge.

Uma manifestação programada para o fim de semana no Uíge pelo autodenominado Movimento Revolucionário não se realizou trazendo ao de cima fragilidades de organização. Há acusações também de que um dos organizadores poderá ter sido subornado pelas autoridades.

A manifestação no Uíge estava convocada para os dias 28 e 29.

A VOA esteve no local que terminou apenas com a presença de agentes políciais e alguns manifestantes que rodeavam o local de forma descoordenada.

A desorganização no conjunto dos activistas foi apontada como um dos factores da ausência dos protestos na data prevista.

De acordo com uma das fontes ligadas ao movimento que preferiu falar em anonimato, o líder “terá sido subornado” para impedir a realização do protesto na província do Uíge.

Essa fonte disse que o dito líder da manifestação não se fez presente no local.

“Ligamos ao telefone e não atendia, isso me demonstra que ele foi comprado, está com peso de consciência e tem medo por isso não apareceu, o que me deixou muito triste”, declarou a fonte.

A VOA tentou falar com o referido organizador da manifestação mas sem sucesso.

A manifestação tinha sido convocada para exigir a liberdade dos 15 activistas presos em Luanda e também contra o julgamento do caso José Marcos Mavungo em Cabinda.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG