Links de Acesso

FLEC-FAC ataca destacamento das FAA em Massaby

  • Manuel José

FLEC-FAC volta a atacar (Foto Arquivo)

A denúncia é da UNITA e da Associação Cívica de Cabinda

Duas fontes confirmaram à VOA um ataque da FLEC-FAC contra um destacamento das Forças Armadas Angolanas (FAA) em Massaby, na província de Cabinda nesta terça-feira, 28.

O representante da UNITA, Estevão Neto, revelou que o ataque aconteceu de madrugada e que neste momento as FAA estão a retaliar “contra inocentes, tendo o secretário comunal da UNITA em Massaby sido detido”.

A Associação Cívica de Cabinda também avança com a mesma inormação.

Uma fonte do Governo de Cabinda diz que vai averiguar da veracidade ou não da informação.

“A FLEC atacou as FAA e neste momento as Forcas Armadas estão a prender pessoas inocentes, vamos preparar uma equipa para partir para Massaby a fim de nos inteirarmos melhor da situação'', disse Estevão Neto, secretário provincial de da UNITA.

Por sua vez, Alexandre Cuanga, da Associação Cívica e Cultural de Cabinda, que confirma a notícia, acrescenta que “depois do ataque da FLEC na aldeia de Munenga na Comuna de Massaby, as FAA estão a levar a cabo várias detenções, e há muitas pessoas presas em Chibwete, entre elas o secretário comunal da UNITA''.

O activista cívico diz não ter havido relatos de mortes nem feridos até agora, mas “apenas danos materiais porque o destacamento militar foi praticamente destruído, segundo os populares''.

A VOA contactou o responsável do gabinete da governadora de Cabinda que não confirmou nem desmentiu a informação, mas prometeu averiguar a situação.

A sua Opinião

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG