Links de Acesso

Estados Unidos evitam "precipício fiscal"

  • Redacção VOA

Numa sessão pouco habitual no dia de Ano Novo o Senado aprovou a legislação por 89 votos contra 8.

Os senadores americanos chegaram a um acordo de compromisso para evitar o denominado “precipício fiscal”, um conjunto de medidas programadas para o início deste ano e que poderiam mergulhar de novo os Estados Unidos numa recessão.

Numa sessão pouco habitual no dia de Ano Novo os senadores aprovaram a legislação por 89 votos contra 8.

O presidente americano, Barack Obama, congratulou-se com o acordo alcançado no Senado e apelou à Câmara dos Representantes para que aprove sem demoras a sua versão da legislação.

O líder da minoria republicana no Senado, Mitch McConnell, afirmou que o compromisso era contudo “um acordo imperfeito” mas que vai impedir qie os aumentos de impostos afectem a maioria dos americanos.

De acordo com o plano, os americanos ganhando mais de 400 mil dólares por ano ou os casais com rendimentos superiores a 450 mil dólares serão objecto do primeiro aumento de impostos dos últimos 20 anos.

O pacote prorroga igualmente os subsídios de desemprego por um ano e aumenta os impostos sobre as heranças.

Quanto aos cortes no orçamento federal as decisões ficam adiadas por dois meses.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG