Links de Acesso

"Fim da guerra deu lugar ao aumento da pobreza e da corrupção em Angola", diz Chivukuvuku

  • João Marcos

Abel Chivukuvuku diz que pré-campanha é mau presságio

Abel Chivukuvuku diz que pré-campanha é mau presságio

Líder da CASA-CE projecto 15o. aniversário do Acordo de Paz

O fim da guerra deu lugar ao aumento da pobreza e da corrupção em Angola, afirmou o presidente da CASA-CE no lançamento do 15º. aniversário do acordo de paz que se assinala dentro de três semanas.

Numa primeira avaliação, Abel Chivukuvuku destaca o sofrimento dos angolanos, particularmente de crianças e mulheres.

“Porque temos ainda centenas de milhares de crianças fora do sistema ensino, com futuro ameaçado. São crianças em subúrbios, sem saneamento básico e expostas a pandemias’’, aponta, para mais adiante lamentar o ‘”elevado número de mulheres que morrem no parto por falta de assistência médica, bem como das camponesas e ‘zungueiras’ em extrema pobreza’’.

Abel Chivukuvuku resume as teses para mudança na inclusão e aproveitamento das potencialidades existentes em todo território nacional.

Encontro da CASA-CE em Benguela

Encontro da CASA-CE em Benguela

“Queremos rigor, competência, combate à corrupção e patriotismo. Vamos harmonizar o desenvolvimento e valorizar o potencial existente no país’’, avança Chivukuvuku.

Para que tal aconteça, reafirma o político, as eleições devem ser livres e transparentes.

Por ora, o curso da pré-campanha é visto como um mau presságio.

“Não podemos admitir que os meios do Estado, como aviões, helicópteros, meios financeiros e outros, estejam ao serviço do candidato do MPLA em detrimento dos demais’’, conclui Abel Chivukuvuku.

A sua Opinião

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG