Links de Acesso

Febre amarela faz primeira vítima mortal no Kwanza Sul

  • Fernando Caetano

Vacina contra a febre amarela

Vacina contra a febre amarela

Autoridades registam 17 casos.

A província do Kwanza Sul registou a primeira vítima de febre amarela, num total de 17 casos.

A epidemia chega quando as cidades do Sumbe e Porto Amboim registam um volume considerável de mosquitos devido às últimas chuvas.

A chefe do Departamento de Saúde Pública e Controlo de Endemias Maria Lussinga, que confirmou o facto, aponta os municípios do Sumbe, Amboim, Cassongue e Ebo como os mais endémicos.

"São pessoas que estão a vir da zona endémica, Luanda, e desse grupo temos uma criança de quatro anos, mas está sob controlo", revelou Lussinga que, no entanto, lamenta não ter vacinas para combater a epidemia..

"Campanhas como tal não podemos garantir porque a nível do país quase que não temos vacinas e a pouca quantidade que temos a nível da província estamos a priorizar as crianças na idade de vacinar, ou seja menores de um ano", explicou a responsável, que admite excepções para quem vai viajar para o exterior.

Maria Lussinga aguardam, no entanto, por vacinas de Luanda.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG