Links de Acesso

Executivo guineense demite governadores e presidente da Câmara de Bissau

  • Redacção VOA

Umaro Sissoco Embaló, primeiro-ministro da Guiné-Bissau

Comunicado do Governo não justifica decisão.

O Governo da Guiné-Bissau demitiu todos os governadores regionais e o presidente da Câmara Municipal de Bissau, sem anunciar os motivos nem os seus substitutos.

A decisão foi tomada pelo Governo na quinta-feira, 5, mas dada a conhecer apenas hoje, 6, pelo ministro da presidência do Conselho de Ministros.

Num comunicado enviado às redacções na tarde de hoje, Malal Sané, não justifica a decisão.

Refira-se que a maioria dos governadores foi nomeada durante a governação do PAIGC, partido vencedor das eleições em 2014, e que agora não integra o Executivo de Umaro Embaló.

XS
SM
MD
LG